MENSAGENS


De corao para corao

Mensagem para os 12 23/01/2014

Porque esta a Aliana que firmarei com a casa de Israel, depois daqueles dias, diz o Senhor: na sua mente imprimirei as minhas leis, tambm sobre o seu corao a inscreverei; e eu serei o seu Deus, e eles sero o meu povo(Hb 8.10)

INTRODUO A mensagem de Hb 8.10 dirigida diretamente ao povo de Israel, revelando como Deus estar agindo na vida espiritual do seu povo, depois daqueles dias depois da Grande Tribulao, quando Cristo vier para o Milnio. Todo Israel ir se converter a Cristo; ser transformado e cheio do Espirito Santo. Para nossa meditao, hoje, vamos tomar a expresso:

Na sua mente imprimirei as minhas leis, tambm no seu corao as inscreverei

Isto um princpio doutrinrio. Deus fala mente, iluminando e dando entendimento, e fala ao corao, para gerar temor, submisso, fervor, f, amor, alegria, coragem. Finalmente, disposio para fazer a obra de Deus sem receios no corao. assim que Deus trabalha com o homem que se converte a Ele, para segui-lo em obedincia sua Palavra.

Estreitando um pouco mais este crculo, vamos pensar no homem a quem Deus chama para o Ministrio da Palavra. Tudo que Deus tem para dizer ao povo; quer na rea do evangelismo quer na rea do discipulado, Ele ministra ao corao daquele que estiver com a responsabilidade de ministrar a palavra de Deus.

Pregar uma mensagem, mesmo bblica, mas formada apenas na mente natural, sem a iluminao do Esprito Santo na mente, e sem receber essa palavra no corao do pregador, por revelao de Deus; com certeza essa mensagem no chegar ao corao dos ouvintes. Seria apenas de mente natural. Mas a Bblia diz que do corao que procedem as sadas da vida (Pv 4.23). Porque a f, o temor, o amor, a alegria, a submisso e a coragem, virtudes essenciais na vida do homem para lev-lo a se chegar a Deus para servi-lo, so virtudes geradas no corao, e no na mente.

O percurso da mensagem de Deus para o homem : Ela sai do corao de Deus, para o corao daquele que vai pregar. Uma vez pregada com a finalidade, mensagem chega ao corao do ouvinte, e produz os efeitos para os quais a palavra foi destinada. sempre de corao para corao.

O pregador da Palavra de Deus, quando se sente responsvel diante de Deus por aquilo que estar pregando, ele toma tempo com Deus em orao, pedindo a palavra, o tema, o assunto sobre o qual dever pregar; quer evangelizando quer discipulando; at receber no corao a palavra de ministrar naquele momento, que ele comea a elaborar a mensagem a ser anunciada.

Qualquer mensagem gerada no corao de Deus, ministrada ao corao do pregador, quando transmitida com fidelidade, sem distoro, alcana o corao do ouvinte, e produz os efeitos para os quais ela destinada.

Assim ser a Palavra que sair da minha boca: no voltar para mim vazia, mas far o que me apraz e prosperar naquilo para que a enviei(Is 55.11)

O que apraz a Deus? Tudo que Ele quer ver acontecer na vida das pessoas para quem Ele libera a Palavra. Esse querer de Deus vai deste o juzo, sobre os incrdulos, os mpios e duros de corao; at ao socorro na vida de quem est angustiado, aflito, precisando e buscando um socorro de Deus.

O Sl 46 diz: Deus o nosso refugio e fortaleza, socorro bem presente nas tribulaes. Portanto no temeremos ainda que a terra se transtorne e os montes se abalem no seio dos mares....

O Senhor o meu Pastor, nada me faltar. Ele me faz repousar em pastos verdejantes. Leva-me para junto das guas de descanso, refrigera-me a alma. Guia-me pelas veredas da justia por amor do seu nome. Ainda que eu ande pelo vale da sombra da morte, no temerei mal algum, porque tu ests comigo; o teu bordo e o teu cajado me consolam. Preparas-me uma mesa na presena dos meus inimigos, unges-me a cabea com leo; o meu clice transborda.(Sl 23.1-5)

Ns, humanos, mesmo sendo homens de Deus, somos tendentes a escolher assuntos para pregar; levando em conta as coisas que observamos na igreja. Mas o que falamos a partir dos nossos pensamentos no representa Palavra de Deus; e, portanto, essa palavra no produz o que Deus quer, no corao dos ouvintes. E isso no deve nos interessar.

CONCLUSO O que nos gratificante ministrar mensagens que recebemos do corao de Deus no nosso corao; porque assim temos a certeza que essa palavra ir produzir os melhores efeitos no corao dos nossos ouvintes, e teremos a provao de Deus do trabalho.

Ap. Luiz Pereira Lima

Mensagens Anteriores